A Golden Cross, que acabou de completar 50 anos, vem investindo em projetos de transformação digital. Com a recente mudança da sua sede para a Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio de Janeiro, a empresa deu sequência a uma série de melhorias tecnológicas, que vão desde a modernização do parque tecnológico até a implantação de soluções de autoatendimento para clientes, corretores e rede referenciada.

“Todas essas medidas buscam nos preparar e dar suporte para esse momento de retomada do crescimento da Golden. Além das atualizações do parque tecnológico, estamos trabalhando em outros importantes pilares que também envolvem inovação, como autoatendimento, automação das vendas, produtividade, telemedicina e segurança da informação”, aponta o diretor administrativo e financeiro da Golden Cross, Aloísio Francisco.

Segundo o diretor, a pandemia acabou acelerando muitos desses investimentos. Com o isolamento social, as empresas precisaram se adaptar rapidamente ao trabalho e ao atendimento remoto. A operadora foi pioneira no mercado de saúde com o projeto “Golden Cross Anywhere”, que permite que os colaboradores atuem de qualquer lugar, em qualquer momento, com soluções de conectividade, omninchannel, data center, cloud e segurança em parceria com a Embratel.

“Também ampliamos nossos serviços de autoatendimento para clientes, corretores e rede referenciada. Hoje, trabalhamos com um índice de 70% de resolutividade em autosserviço nos nossos canais digitais, ou seja, as pessoas já conseguem resolver grande parte das demandas, como pedido de reembolso, consulta a rede e acompanhamento de pagamento, online. Também estamos sempre implementando melhorias em nosso aplicativo voltado para os associados, aperfeiçoando a navegabilidade e incluindo novas funcionalidades. Temos um comitê digital permanente, que avalia as demandas dos clientes e traz o que há de mais moderno para melhorar a experiência do usuário”, afirma.

A venda de planos de forma 100% digital é outra novidade implementada pela Golden Cross. O sistema já era oferecido para os corretores desde o início de 2020, mas contou com grandes melhorias desde o começo da pandemia, garantindo a comercialização de forma totalmente digital. Aloísio explica que o desenvolvimento desta nova plataforma de relacionamento com o corretor conferiu maior agilidade e o acompanhamento dos processos em tempo real. Outra vantagem é a maior segurança na proteção dos dados dos clientes, que são direcionados diretamente para a área médica da Golden Cross.

“Os corretores também foram beneficiados nesse projeto e, no último ano, passaram a contar com uma série de ferramentas. Lançamos o Portal do Corretor, um site exclusivo para os vendedores da Golden Cross, onde eles têm acesso a todos os materiais de apoio, aplicações e informações que possam ajudá-los no processo de venda. Também implementamos uma aplicação web exclusiva para tratar de questões relacionadas à comissão e um processo para cadastramento das corretoras totalmente online, que em breve será ampliado para vendedores pessoa física”, destaca.

A Telemedicina foi outra frente trazida pela pandemia e que tem crescido no mercado de saúde. A Golden Cross já atua com essa modalidade desde 2020, quando houve a regulamentação pelo Conselho Federal de Medicina, e agora trabalha em um projeto piloto para oferecer, além de consultas eletivas, pronto atendimento. O objetivo é prestar um primeiro atendimento ao paciente, sem necessidade de marcação, evitando que o associado precise se deslocar até uma emergência. O modelo está sendo testado com alguns clientes empresariais da operadora e deve ser ampliado em etapas para os demais associados.

“Todas essas medidas fizeram com que a Golden saísse na frente no mercado de saúde suplementar. Podemos afirmar que, com esses investimentos, não houve nenhum tipo de perda ou prejuízo para nossos clientes, corretores ou rede referenciada na pandemia, diferente de outros players que não tiveram a mesma agilidade e capacidade de adaptação. Conseguimos seguir com nossos processos e atividades, até de forma mais integrada e aprimorada. São ganhos permanentes e que irão nos impulsionar nesse movimento de crescimento e retomada”, finaliza o diretor.